Meu novo #TOP2 da Pixar

Foi por causa de Toy Story 3 que eu fiz esse post que me levou às lágrimas e é por causa de Toy Story 3 que estou escrevendo este post…

Hoje tive o imenso prazer de ir conferir a cabine de Toy Story 3, e por conta da excelente estratégia de marketing de lançamento do longa, estava empolgada para conferir o filme como há tempos não ficava. E posso dizer que o filme conseguiu me empolgar do 1º ao último segundo e saí satisfeitíssima da sala de cinema, depois de rir muito e chorar um bom tanto.

Muito do sentimento que tive quando fiz o post que citei lá em cima voltou com força e me deu vontade de pegar a Kátia – minha boneca, que já tem 25 anos e que é um dos meus xodós até hoje – e dormir abraçada com ela. E não só a Kátia, como algumas outras bonecas, que bem como Andy, não tem coragem de passar adiante mesmo depois de não brincar mais com elas. Tenho certeza que, por mais modernos que sejam os brinquedos de hoje em dia, a Kátia, a minha boneca bailarina, a minha menina-flor, a baby-flor e tantos outros brinquedos que ficaram comigo até agora, farão a alegria das minhas filhas.

Na quinta-feira, vai ter resenha minha lá no Judão, onde vou falar com bem mais detalhes do filme e de tudo que senti enquanto assistia. Mas posso adiantar que Toy Story 3 bateu Monstros S.A. e Procurando Nemo e já meu TOP2, só não perdendo pra Toy Story 1, que mesmo depois de 15 anos, pra mim, continua sendo o melhor filme da Pixar – e acho que o que eu mais sei (e repito) frases. Sério, vocês NÃO PODEM ter outro programa esse fim de semana, PRECISAM assistir Toy Story 3.

Sobre Tayra

"Eu não aceito o que se faz Negar a luz, fingindo que é paz A vida é hoje, o sol é sempre Se já conheço eu quero é mais"
Esta entrada foi publicada em About me, Desabafinho com as etiquetas . ligação permanente.

Uma resposta a Meu novo #TOP2 da Pixar

  1. Lorena diz:

    Ai, que lindo… Ainda não vi Toy Story 3 mas não tenho a menor dúvida de que vai me emocionar tb. Eu sempre fui dessas crianças que acreditavam que os brinquedos tinham vida. Aliás, eu acreditei nisso até bem “velhinha”, porque me lembro com 11 de ter uma boneca de pano que eu mesma “fiz” (fiz a roupa, os cabelos, e o rosto com canetinha, e saiu borrado, deixando ela meio vesga :P) e eu sempre dava um jeito de brincar com ela na frente das outras, pq eu tinha certeza absoluta que quando eu saía do quarto ou quando eu dormia, as outras zombavam dela porque ela era feia. Então eu queria mostrar que gostava de todas igual. :P Ainda hoje lembro com carinho de todos os meus brinquedos, minhas bonecas e ursinhos de pelúcia…
    Aí quando vi o primeiro Toy Story pensei “é exatamente assim que eu sempre imaginei!” Se tornou logo um dos meus desenhos favoritos. Então tenho certeza que também vou gostar MUITO do 3, ainda mais que vou ver o Woody, Buzz e cia sendo “doados” por um Andy crescido… Também vou chorar horrores, com certeza! :)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s