Leave Restart (e toda e qualquer boy-band) alone

Se vocês se lembrarem da minha lista de com quem eu já quis me casar, vão poder notar que desde a mais tenra idade eu sempre fui “alacka” das boy-bands, né! Não tem jeito, eu sempre gostei, desde que eu tinha 4/ 5 anos e Menudo tava na moda. Depois veio Dominó, Polegar, New Kids, Backstreet Boys, ‘N Sync, Another Level. Sério, é mais forte que eu. Da infância até o finzinho da adolescência, porque eu já tinha uns 20 anos quando parei de me ligar nessas coisas, pintou boy-band no pedaço meu radarzinho já apitava. E de 1984, quando comecei com a paixonite com os Menudos, até 1999, quando BSB lançou o Millennium, eu acho que só não gostei de Take That. Isso porque pra mim é simples: “cantores” gatos, trabalhamos… ♥

Aí o assunto surgiu hoje, num bate-bola meu com Laila Maria numa postagem minha no Facebook. Tudo porque ontem eu estava comentando as minhas impressões de eterna fã declarada de Legião Urbana sobre o tributo que teve Wagner Moura nos vocais. Aí surgiu um comentário:

Como eu disse no twitter: queria mto que os cantores ruins d hj em dia fossem como era LU, e nao como Restart. :p

Aí eu mudei um pouco o foco do assunto e a Laila entrou pra me apoiar. Porque eu não consigo entender qual é a desse povo todo de ficar atacando Restart? Sério… Se fosse os meninos, adolescentes, fazendo isso, normal. Eles cantavam “Backstreet Boys são gays” ou dizia New Kids todos brochas, isso porque as boy bands são concorrentes e ganham muito mais a atenção das meninas do que eles. É natural e faz parte da luta de classes adolescente. Agora adulto!!! Porra, qual é?! O Tico Santa Cruz até fez um tratado a respeito. Ah, gente, me poupe… E eu acho tão ZzzzZzz ficar zuando as meninas que gostam de Restart. Porra, deixa elas. Não tem nada a ver ficar falando que as músicas são ruins, que cantam mal, que aquilo não é rock, até porque elasgostam muito mais dos caras em si do que das músicas e a ideia é justamente essa… É pra isso que boy band existe. :)

Pra mim Restart é equivalente ao que foi NKOTB na minha época. E boy-band sempre foi uma coisa “ruim”, eles nunca estiveram ali porque eram uns puta músicos. A ideia é reunir gente bonita, com uma música dançante, chiclete, uma coreografia bacana e voilá. E isso sempre será assim e sempre vai existir, por isso eu não embarco nessa onda de malhar os coloridos. Eu até acho que os caras do Menudo, New Kids e BSB eram bem mais bonitos (e mais másculos) que o Pê Lanza, mas isso já é outro lance. Voltando ao assunto música: Menudo era péssimo, Dominó era UÓ, New Kids idem, Polegar era um bela porcaria, BSB era uma bosta, mas o que vale são os caras gatinhos pra conquistarem as meninas, isso funciona, é uma fase da nossa vida e é super válido…

Isso sem falar que embora muita gente fique doida quando eu fale isso, eu acho que os primeiros a abrirem essa porteira para as boy-bands foram os Beatles. E antes de começarem a me apedrejar, me xingar e tudo mais, eu acho eles completamente foda (e feios – nunca vi graça nem no Paul) e sei da importância deles pra música, sei o quanto eles evoluíram desde o começo da carreira e que (depois) conquistaram muitos fãs homens. Mas é inegável que lá no seu comecinho, com suas músicas melosas, o porte de meninos bem-comportados, eles foram sim uma boy-band e levaram muitas fãs à loucura e histeria. E até mesmo pros quatro de Liverpool isso foi fase e passou.

Por isso, se você tiver mais do que 19 anos, faça o favor de ir viver a sua vida, ouvir a música que mais te agrada e deixar as fãs de Restart (e qualquer boy-band que vier a surgir) em paz. Puta falta do que fazer…

366/143

Sobre Tayra

"Eu não aceito o que se faz Negar a luz, fingindo que é paz A vida é hoje, o sol é sempre Se já conheço eu quero é mais"
Esta entrada foi publicada em Desabafinho com as etiquetas , , , , , , , , , . ligação permanente.

2 respostas a Leave Restart (e toda e qualquer boy-band) alone

  1. laila diz:

    Concordo plenamente!
    Taí “I Want it That Way” que não nos deixa mentir… ficou um tempão no topo, mas qualidade musical zeeero. Sem falar da letra, né… que até o AJ zoa! Ou seja, só tava no topo porque era dos BSB!

  2. Pingback: New Kids on the Block no Brasil: EU FUI!!! | Teia de Renda

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s