E lá se vão 4 anos

Falar que o tempo passa rápido é bem clichê, né! Nesse caso é esquisito, porque ao mesmo tempo que parece que passou rápido, parece que demorou uma eternidade e aconteceu tanta coisa nesse meio tempo que dá impressão de que já passou uma vida inteira.

Afinal de contas, quantos casais vocês conhecem que em 4 anos de casados moraram em 3 casas diferentes, tiveram a casa alagada, a clarabóia arremessada a centenas de metros de casa por um vento forte, todos os eletrodomésticos queimados e uma parede destruída por um raio? Quantos vocês conhecem que cruzaram meio país atrás de uma cachorrinha sem-vergonha e bagunceira, que jamais daria sossego para suas vidas? Quantos passaram 1/3 desse período fora de casa, viajando (a trabalho – a maioria das vezes – e a lazer, porque ninguém é de ferro)? E quantos estão processando o fotógrafo, que até hoje não entregou o álbum de casamento? Tem bagagem pra caramba nesse meio tempo, por isso que não dá pra dizer um simples: “nossa, como passou rápido!”.

De acordo com tudo que vi por aí, a gente completa Bodas de Frutas e Flores (o_O) ou Bodas de Cera, os dois nomes são estranhos, por isso resolvi deixar pra lá. Mas o que importa é que lá se foram quatro anos, e que só nós dois sabemos o que passamos como casal para chegar até aqui (e aos quase 8 anos juntos), os muitos obstáculos, as muitas conquistas e todo o processo. É uma relação de muito companheirismo e bem diferente da maioria das que vejo por aí. E isso porque nós dois somos diferentes, e resolvemos levar a nossa vida de acordo com aquilo que acreditamos e tomamos como correto e não de acordo com o que as pessoas pensam e acham que deveria ser. A nossa vida é nossa e cabe apenas a nós dois, bem como a nossa felicidade. A trajetória somos nós que estamos construindo, passo a passo, um dando a mão para o outro, um enxugando a lágrima do outro, e um batendo palma pro outro e vibrando a cada conquista.

E em quatro anos, sei que estamos apenas começando, sei que teremos muitas batalhas a enfrentar, muitas derrotas a lamentar e tantas outras vitórias pra celebrar. Afinal, a vida é isso, uma alternância de coisas boas e ruins, e saber superar as ruins da melhor forma é o que faz o todo ter graça e ser feliz. E é desse jeito que vamos construindo o nosso caminho. Mas o que eu posso afirmar, com toda garantia, é que o amor e admiração que eu sinto pelo Thiago só cresce a cada dia. Obrigada por cada um desses momentos, mesmo os ruins, que serviram pra ser argamassa que une os momentos fantásticos. Obrigada por estar ao meu lado em horas difíceis, por chorar comigo nos momentos de perda e por me dar rumo nas horas em que estava totalmente perdida. Feliz 4 anos, feliz vida toda!!! <3

366/255

Sobre Tayra

"Eu não aceito o que se faz Negar a luz, fingindo que é paz A vida é hoje, o sol é sempre Se já conheço eu quero é mais"
Esta entrada foi publicada em Felicidade Partilhada com as etiquetas , , , , . ligação permanente.

4 respostas a E lá se vão 4 anos

  1. Joice diz:

    muito lindo! Parabéns casal! :))

  2. ines diz:

    faço minhas as palavras da Joice!

  3. laila diz:

    EU QUERO ESSA PRIMEIRA FOTOOOOOOOOOOOOOOO

  4. Fabiola diz:

    fofura total.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s