Meu corpo, minhas regras…

Não entendeu?! Ok! Tem desenhado. ;)

your-bod-your-rules

E isso vale para tudo, seja para os padrões de beleza impostos – por sinal, a Lia fez um post incrível sobre o quanto nos depreciamos em relação ao que a sociedade acaba impondo – e vale também para o uso que a pessoa faz dele em todos os sentidos, se quer se resguardar sexualmente, se quer ter uma atitude mais liberada, se quer andar no meio termo, se quer vestir uma roupa curta e justa, se quer andar de burca, se quer fazer top-less, se quer usar maiô…

O seu corpo deve seguir apenas as regras que você impõe a ele. Por isso se todo mundo acha que você tá gorda ou magra demais, mas você se sente bem assim, que se dane todo o resto, vá e seja feliz. O mesmo vale para você não se sentir tão bem, e as pessoas dizerem que você tá ótima. Sempre o que tem que prevalecer é a sua opinião.

Vá, encare o mundo e seja feliz, do jeito que você é e do jeito que te faz bem. ;)

Sobre Tayra

"Eu não aceito o que se faz Negar a luz, fingindo que é paz A vida é hoje, o sol é sempre Se já conheço eu quero é mais"
Esta entrada foi publicada em About me, Desabafinho com as etiquetas , , , . ligação permanente.

4 respostas a Meu corpo, minhas regras…

  1. ines diz:

    CLAP CLAP CLAP!

  2. joiceg diz:

    pois é… nem tenho o que dizer. Mas conheço uma receitinha de patê de pepino light…. kkkkkkkk

  3. Pingback: O aborto nosso de cada dia | Claraminholas

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s