Político é tudo igual…

corrupção

Esse vídeo fantástico tá rodando hoje a minha timeline, e eu quis compartilhar por aqui, porque é algo que eu falo a exaustão: gente que é corrupta com coisa pequena, é corrupta com coisa grande. Simples assim. Se o cara sonega imposto de renda, por que não vai desviar verba se virar deputado? É lógica pura e simples, elementar.

E a corrupção tá em tanta coisa, que muitas vezes a galera tá sendo corrupta sem se dar conta. Um exemplo dado no vídeo, que eu sempre uso é o de pagar propina pro guarda pra não pagar multa. Amigo, você faz isso, então você não tem moral nenhuma pra falar de Mensalão, de Aécioduto, de roubo na Petrobrás, de desvios de obra do metrô paulista. Porque você, estando lá no lugar deste povo, ou faria igual, ou faria pior.

Não vou citar nomes, mas há pouco menos de um mês, uma pessoa veio me perguntar se eu tinha “esquema” pra arrumar carteirinha de estudante falsa. Eu apenas disse que não, porque não tava disposta a tecer um tratado sobre a corrupção no dia a dia, porque sabia que ali não surtiria efeito algum.

Ou outra vez, que uma colega de trabalho, que contou que o pai era contador e me deu a dica de que ele era muito bom, porque sabia vários jeitinhos e esquemas pra deixar o IR mais “tranquilo”.

Tem também aquele sabidão, que vê o trânsito parado na estrada, mas ele não é trouxa como todos os outros que aguardam sua vez impacientemente, e já sai cortando tudo pelo acostamento. Ah, tem o que pede nota com valor alterado pra apresentar na empresa e embolsar a grana não gastada liberada por eles.

A lista de corruptos da nossa rotina é imensa. Mesmo. O povo nem se dá conta, mas é corrupto no dia a dia sim. Curiosamente, esses são sempre os primeiros a ficarem “INDIGNADOS” com a roubalheira desse país. O Brasil não tem jeito mesmo! Político é tudo igual.

Pois é, não queria ser eu a te fazer essa triste revelação: político é tudo igual mesmo. Mas é igual ao seu povo, é reflexo da população que o elege. Uma sociedade corrupta jamais se livrará de políticos corruptos. Não tem como. Assim como reacionários votam em seus pares, liberais e néo-liberais nos seus, socialistas nos seus, e assim por diante.

Sem falar que corrupção não tem grife, gênero, partido e, muito menos, nacionalidade. Os EUA, que muita gente que não conhece, acredita ser o paraíso, volta e meia tá envolvido em casos mirabolantes de corrupção. A Europa idem e é assim que funciona o jogo do poder. Um denunciando a ladroagem do outro, pra assumir seu lugar no maquinário.

O PT virou o alvo da vez, muito mais porque a mídia gorda tem ranço do partido do que pela corrupção que o envolve de fato. E não estou negando as muitas derrapadas, longe disso. Até porque eu nada tenho a ver com o PT, portanto, não tenho motivos para defendê-lo. Mas é muita estupidez alguém levantar bandeira de PSDB com discurso de que é contra a corrupção, uma vez que o partido do tucano tá envolvido em muito mais esquema e ladroagem do que a turma da estrela. Sem falar que, querendo ou não, o PT estando no poder, foi capaz de julgar e condenar os seus pares, enquanto o PSDB foi recordista de engavetar processos que envolvessem sua patota. A ladroagem na política, infelizmente, é uma espécie de câncer que não tem quimio que dê jeito, porque já tem muita gente mirando na eleição pensando só em entrar no esquema. Mas ao ver o comportamento médio da nossa população, isso não me surpreende em nada, já que estamos cercados de pessoas umbiguistas, individualistas, egoístas e mais uma lista de istas bem ruins – e consequentemente isso vai se refletir na câmara, no senado, no executivo.

No mundo corporativo também é assim, caso você não saiba. O pessoal quer chegar a altos cargos pra poder desviar verba, pra superfaturar alguns serviços e aí, esse tipo de prática, acaba sendo transportada com facilidade para o nosso legislativo e executivo. É quase que automático (e triste). E esse círculo vicioso só vai ser rompido quando houver uma mudança de mentalidade muito profunda (e isso é muito difícil).

Pra finalizar, antes que queiram tacar pedras no meu telhado de vidro, sim, é claro que eu já comprei ingresso pra show com carteirinha alheia e já entrei com RG falso na balada. Pode listar essas corrupções no meu histórico de vida, assim como já roubei chiclete na padaria na infância (e fui obrigada pelo meu pai a ir até lá, dizer que roubei e pagar pelo mesmo – queria cavar um buraco e me enterrar). O que importa é que com o passar do tempo, com o amadurecimento, eu fui percebendo o quanto isso é completamente errado e o quanto eu preciso me afastar desse tipo de postura pra ter o discurso que tenho, que condena toda e qualquer forma de lesar o povo. Posso bater no peito e dizer que há uns bons anos eu tenho um discurso completamente aliado a prática e que nada do que prego é feito às avessas. ;)

Sobre Tayra

"Eu não aceito o que se faz Negar a luz, fingindo que é paz A vida é hoje, o sol é sempre Se já conheço eu quero é mais"
Esta entrada foi publicada em Desabafinho com as etiquetas , , . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s