Fim de semana dançante em terras cariocas

Pessoa Rio

Ainda estou esgotada. Juro!!! Não tenho mais quinze aninhos não, e a combinação de uma semana de mudança – com Thiago fora viajando a trabalho – e apenas 16 horas dormidas ao longo de 7 dias, mais uma viagem de ônibus ao lado de um vigor e pique de crianças e adolescentes durante a madrugada para dançar no Rio, podem provocar danos permanentes ao meu pique – hehehe.

Porém, o que importa mesmo é que foi tudo uma delícia. Tirando algumas derrapadas de muito cacique pra pouco índio, gente “fugindo” da padaria, telefone sem bateria no Cristo – hihihi. Mas nada que pudesse abalar o clima de alto-astral que predominou nesta viagem.

Primeiro de tudo, preciso falar sobre o Salamandras – agora Ensina-me a te esperar. Há 13 anos, desde maio de 2003 esta coreografia da Rê mora no meu coração. Na época que dançamos, tinha acabado de ir ao ar A Casa das Sete Mulheres e essa música linda da Adriana Mezzadri estava no auge. Fico muito feliz de ter recebido da Rê a honra de remontar a coreografia este ano ao lado do Jó para as minhas alunas de clássico. Também fiquei imensamente feliz em poder dançá-la novamente (não estava nos planos, entrei aos 47 do segundo tempo para substituir a Lari, que se lesionou poucos dias antes do festival – e fez muita falta, diga-se de passagem). E posso dizer que fiquei mais feliz ainda de já começarmos a nova jornada do Salamandras com chave de ouro e um 1º lugar.

Obrigada Rê pela linda coreografia que me presenteou há 13 anos, obrigada Jó pela parceria sempre, obrigada Luizinha, Boo, Mi, Juju, Calê e Aline por darem vida à coreô. Agora estamos esperando a Lari voltar linda e formosa, e a Rafa e a Luiza Montano para as próximas rodadas. Que venham muitos outros festivais.

Além disso, pusemos pra quebrar com Magalenha, que levantou a galera, e encerramos com High School. Foi uma delícia. E os solos, duos e trois também, todos premiados. Voltamos com um monte de 1º e 2º na bagagem, nada sem prêmio e nenhum terceirinho. Muita satisfação!!!

Então vamos aos resultados do 7º Festival Nacional de Dança Expressão e Arte:

COREOGRAFIAS

• Solo clássico infantil
A Pequena Flautista – solista Denise Hissae – coreógrafa Daniela Rhormens – 1º lugar

• Solo livre infantil
A Pequena Sereia – solista Bianca Couto – coreógrafa Daniela Rhormens – 1º lugar
Numa tarde de verão – solista Kamilly Yuri – coreógrafa Regina Rhormens – 2º lugar (empate)
Filha de Shiva – solista Amanda Nakaza – coreógrafa Regina Rhormens – 2º lugar (empate)

• Solo jazz infantil
No ritmo da alegria – solista Maria Gabriela Malaquias – coreógrafa Regina Rhormens – 1º lugar
A Rainha de Copas – solista Bianca Couto – coreógrafa Regina Rhormens – 2º lugar

• Solo livre infanto-juvenil
Ao Cubo – solista Marina Keiko – coreógrafa Daniela Rhormens – 1º lugar

• Duo livre infantil
O Menino Maluquinho – solistas Bianca Bezerra e Denise Hissae – coreógrafa Tayra Vasconcelos – 1º lugar

• Conjunto Jazz Infanto-juvenil
Monster High – coreógrafa Regina Rhormens – 1º lugar

• Variação de repertório juvenil
Cupido – solista Julia Nascimento – adaptação Daniela Rhormens – 1º lugar
Esmeralda – solista Luiza Kamimura – adaptação Daniela Rhormens – 2º lugar

• Solo clássico juvenil
A Valsa da viúva alegre – solista Julia Nascimento – coreógrafa Tayra Vasconcelos – 2º lugar

• Solo livre juvenil
Além dos limites da alma – solista Gabriela Gouvêa – coreógrafa Tayra Vasconcelos – 2º lugar

• Duo livre juvenil
Em um certo planeta azul – solistas Julia Nascimento e Luiza Kamimura – 2º lugar

• Trio livre juvenil
Nos tempos do cinema mudo – solistas Gabriela Gouvêa, Gabriela Mariani e Luiza Kamimura – coreógrafa Tayra Vasconcelos – 1º lugar

• Trio livre adulto
Crendo como Nietzche – solistas Gabriela Gouvêa, Julia Calegari e Milena Alves – coreógrafa Tayra Vasconcelos – 2º lugar

• Conjunto livre adulto
Magalenha – coreógrafa Regina Rhormens – 1º lugar

• Conjunto livre misto
Ensina-me a te esperar – coreógrafos Jorge Moura, Regina Rhormens e Tayra Vasconcelos – 1º lugar

• Trio néo-clássico juvenil
Entre laços – solistas – Gabriela Gouvêa, Julia Nascimento e Luiza Kamimura – coreógrafa Daniela Rhormens – 2º lugar

• Conjunto jazz misto
School’s Champions – coreógrafa Tayra Vasconcelos – 2º lugar

Parabéns pra todos nós, que dançaram, que coreografaram que aplaudiram. Muito gostoso, muito bom, quero mais. Agora tá chegando Salvador e Buenos Aires. ;)

E pra encerrar o post, Magalenha que todo mundo ama:

Que venham muitas outras conquistas. ;)

117/366

Sobre Tayra

"Eu não aceito o que se faz Negar a luz, fingindo que é paz A vida é hoje, o sol é sempre Se já conheço eu quero é mais"
Esta entrada foi publicada em Felicidade Partilhada com as etiquetas , , , , , , . ligação permanente.

Uma resposta a Fim de semana dançante em terras cariocas

  1. Pingback: Como tratar seus clientes com excelência | Teia de Renda

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s